28-Jul-2016
Início
Busca no site
Na Mídia
Fale conosco
Receba nossa Newsletter
Trabalhe Conosco
Publicações Científicas
 
Depilação a Laser: ¨ Um incômodo a menos ¨

Já consagrada no meio médico, a depilação a laser vem se firmando cada vez mais como uma opção segura e efetiva contra um inconveniente que acomete milhões de pessoas de ambos os sexos em todo o mundo: os pêlos indesejados.
Certo dia, um renomado grupo médico argentino, pioneiro na utilização do Laser na América do Sul, realizou uma curiosa campanha publicitária: Jogou ao chão de um tradicional shopping center de Buenos Aires cinco mil pinças de depilação, além de potes contendo cera depilatória e aparelhinhos de barbear descartáveis. Anexados aos mesmos vinha a mensagem: ¨ Instrumentos medievais de tortura utilizados até finais do século XX¨.

Os Pêlos

Os pêlos desempenham várias funções no ser humano. Estima-se que um adulto possua ao redor de 5 milhões de pêlos. Destes, 1 milhão estaria localizado na cabeça, crescendo, em média, um milímetro a cada três dias. Entre suas funções estão a de proteger contra a perda de temperatura, contra a luz e pequenos traumatismos, auxiliar na eliminação do suor e funcionar como filtros no caso da respiração.
Desde as mais remotas épocas, os pêlos serviram como diferencial de beleza, também podendo representar, no entanto um incômodo. A tolerância ou não ao excesso de pelos na face ou corpo depende da época e cultura de cada povo, além do aspecto pessoal.

Como atua o Laser?
Sabe-se que a luz – entenda-se também o laser e sua evolução: a luz pulsada – possui afinidade por cores escuras. Esta é uma das razões pelas quais os povos que vivem em áreas tórridas no desertam usam roupas brancas. Elas absorvem pouca luz. Nossos pêlos e cabelos possuem cor. Esta cor é determinada por um pigmento natural denominado melanina. Cabelos castanhos possuem maior concentração de melanina que louros.
Pois este princípio de afinidade entre luz e cor é utilizado na depilação médica à laser. Flashes de luz atravessam a pele que permanece intacta e se concentram na raiz do pêlo em forma de calor (atraídos por seu pigmento). Este súbito aumento da temperatura do folículo acaba eliminando-o e o pêlo não mais crescerá.

Por que são necessárias várias sessões?
Nossos pêlos crescem por etapas. Ao mesmo tempo em que temos fios em crescimento, muitos caíram ou irão cair. Esse processo é evidente em nosso cabelo. Chamamos a este fenômeno ciclo de crescimento de pêlos que é composto por várias fases. O laser atinge apenas uma das fases de crescimento, por isso são necessárias algumas sessões até que se atinja um resultado favorável. O número de sessões depende da característica dos fios, da pele, da área tratada e de fatores genéticos e endócrinos.

Quem pode se beneficiar?
Pessoas de ambos os sexos podem se beneficiar da depilação à laser. O tratamento médico é indicado para tratar os pêlos inconvenientes na face e corpo. O processo irritativo conhecido como foliculite após a depilação das virilhas ou mesmo após o barbear apresenta melhora importante com esta nova tecnologia médica. Além disso, alguns tipos de laser são capazes de atuar no colágeno e também na superfície da pele, produzindo um importante rejuvenescimento, melhorando as manchas, vincos e flacidez. A esta novíssima tecnologia chamamos laser não ablativo uma vez que o paciente pode retornar à sua rotina imediatamente sem os transtornos de um arrastado período de recuperação já que a pele não é lesada.

A depilação é permanente?
Este sistema tem uma alta porcentagem de êxito na maioria dos pacientes, em especial nos pêlos grossos e escuros. Porém, como toda a ciência médica, apresenta suas variações caso a caso. Recentemente o FDA, rigoroso órgão americano de regulamentação de novas tecnologias, reconheceu a luz pulsada e alguns tipos de laser como métodos permanentes de depilação. Porém, como tudo em medicina, os resultados podem variar conforme cada caso. Apesar dos grandes avanços nesta área, ainda existem limitações. Em alguns pacientes podem ser necessárias algumas sessões de manutenção com o passar dos anos. Porém, não restam dúvidas que a tecnologia médica em depilação utilizando os princípios do laser representa uma via efetiva, confortável e segura no tratamento dos pêlos indesejados, poupando os pacientes dos transtornos e inconvenientes dos antigos e tradicionais métodos de depilação.

Dr. Alberto Goldman CREMERS 14581 CREMESP 100156
Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica
Membro International Society of Aesthetic Plastic Surgery
Diretor da Sociedad Latinoamericana del Pelo

 
< Anterior   Seguinte >
 

Av. Augusto Meyer 163 conj. 1203 • Bairro Higienópolis • CEP. 90550-110 • Porto Alegre / RS - Brasil • Fone/fax: +55 (51) 3342-7722 • Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email